Artwork

Вміст надано Rádio Itatiaia. Весь вміст подкастів, включаючи епізоди, графіку та описи подкастів, завантажується та надається безпосередньо компанією Rádio Itatiaia або його партнером по платформі подкастів. Якщо ви вважаєте, що хтось використовує ваш захищений авторським правом твір без вашого дозволу, ви можете виконати процедуру, описану тут https://uk.player.fm/legal.
Player FM - додаток Podcast
Переходьте в офлайн за допомогою програми Player FM !

Observatório feminino debate a investigação de crimes cometidos pelo Discord

23:51
 
Поширити
 

Manage episode 371988769 series 2936542
Вміст надано Rádio Itatiaia. Весь вміст подкастів, включаючи епізоди, графіку та описи подкастів, завантажується та надається безпосередньо компанією Rádio Itatiaia або його партнером по платформі подкастів. Якщо ви вважаєте, що хтось використовує ваш захищений авторським правом твір без вашого дозволу, ви можете виконати процедуру, описану тут https://uk.player.fm/legal.

O Observatório Feminino deste domingo (23) debate o desenrolar da operação Dark Room, contra crimes praticados através da plataforma de jogos Discord. As investigações começaram em março deste ano, com o compartilhamento de informações entre a Polícia Federal e policiais civis de vários estados do país.

Conforme as investigações, três servidores da plataforma eram utilizados por um grupo de jovens e adolescentes de várias regiões do país para cometerem atos de extrema violência contra animais e adolescentes, além de divulgarem pedofilia, zoofilia e fazerem apologia aberta de racismo, nazismo e misoginia.

Vídeos publicados na plataforma mostravam mutilações e sacrifícios de animais como parte de desafios impostos pelos criadores e administradores dos servidores como condição para membros ganharem cargos na comunidade, o que se traduzia principalmente em permissões e acesso às funções dentro do grupo. A maioria dessas ações era transmitida ao vivo em chamadas de vídeo para os integrantes dos servidores.

Ainda segundo a apuração, adolescentes também eram chantageadas e constrangidas a se tronarem escravas sexuais dos líderes e eram vítimas dos "estupros virtuais" que eram transmitidos ao vivo por meio de chamadas de vídeo para os integrantes do servidor. Até o momento, dois adolescentes de 14 e 17 anos foram apreendidos e um jovem de 19 anos foi preso.

Em nota, o Discord afirmou que não comenta casos específicos. A empresa também afirmou que tem uma "política de zero tolerância para atividades que sejam potencialmente prejudiciais à sociedade". "Com nossos esforços para combater ameaças à segurança infantil, nós proativamente removemos cerca de 98% das comunidades que encontramos com materiais de abuso infantil no Brasil ao longo dos últimos seis meses", diz a nota.

Supostos agiotas estão agindo abertamente no Instagram, se identificando como tal. Mas, na verdade, é mais um golpe. Os alvos são os mesmos: pessoas que precisam de crédito e não têm acesso aos meios legais, como bancos.

Na verdade, os perfis não são de agiotas, mas de golpistas. Não há empréstimo e a pessoa acaba perdendo dinheiro. O golpista questiona sobre o valor desejado e apresenta uma tabela de valores. Em seguida, informa que há um “seguro” a ser pago antes de o negócio ser fechado. Os valores variam entre R$ 50 e R$ 400, depende do valor solicitado pela vítima. O estelionatário condiciona o depósito do valor pretendido ao pagamento da taxa.

Para falar sobre esse assunto, e sobre segurança digital, as jornalistas Alessandra Mendes, Aline Neves e Wanda Sampaio recebem a presidente da Comissão Estadual de Educação Digital da OAB Minas, Daniella Avelar.

O podcast

O podcast Observatório Feminino vai ao ar todos os domingos, às 8h30, na Rádio Itatiaia. Você também pode ouvir os episódios nas plataformas de áudio, e no Youtube da Rádio de Minas

  continue reading

208 епізодів

Artwork
iconПоширити
 
Manage episode 371988769 series 2936542
Вміст надано Rádio Itatiaia. Весь вміст подкастів, включаючи епізоди, графіку та описи подкастів, завантажується та надається безпосередньо компанією Rádio Itatiaia або його партнером по платформі подкастів. Якщо ви вважаєте, що хтось використовує ваш захищений авторським правом твір без вашого дозволу, ви можете виконати процедуру, описану тут https://uk.player.fm/legal.

O Observatório Feminino deste domingo (23) debate o desenrolar da operação Dark Room, contra crimes praticados através da plataforma de jogos Discord. As investigações começaram em março deste ano, com o compartilhamento de informações entre a Polícia Federal e policiais civis de vários estados do país.

Conforme as investigações, três servidores da plataforma eram utilizados por um grupo de jovens e adolescentes de várias regiões do país para cometerem atos de extrema violência contra animais e adolescentes, além de divulgarem pedofilia, zoofilia e fazerem apologia aberta de racismo, nazismo e misoginia.

Vídeos publicados na plataforma mostravam mutilações e sacrifícios de animais como parte de desafios impostos pelos criadores e administradores dos servidores como condição para membros ganharem cargos na comunidade, o que se traduzia principalmente em permissões e acesso às funções dentro do grupo. A maioria dessas ações era transmitida ao vivo em chamadas de vídeo para os integrantes dos servidores.

Ainda segundo a apuração, adolescentes também eram chantageadas e constrangidas a se tronarem escravas sexuais dos líderes e eram vítimas dos "estupros virtuais" que eram transmitidos ao vivo por meio de chamadas de vídeo para os integrantes do servidor. Até o momento, dois adolescentes de 14 e 17 anos foram apreendidos e um jovem de 19 anos foi preso.

Em nota, o Discord afirmou que não comenta casos específicos. A empresa também afirmou que tem uma "política de zero tolerância para atividades que sejam potencialmente prejudiciais à sociedade". "Com nossos esforços para combater ameaças à segurança infantil, nós proativamente removemos cerca de 98% das comunidades que encontramos com materiais de abuso infantil no Brasil ao longo dos últimos seis meses", diz a nota.

Supostos agiotas estão agindo abertamente no Instagram, se identificando como tal. Mas, na verdade, é mais um golpe. Os alvos são os mesmos: pessoas que precisam de crédito e não têm acesso aos meios legais, como bancos.

Na verdade, os perfis não são de agiotas, mas de golpistas. Não há empréstimo e a pessoa acaba perdendo dinheiro. O golpista questiona sobre o valor desejado e apresenta uma tabela de valores. Em seguida, informa que há um “seguro” a ser pago antes de o negócio ser fechado. Os valores variam entre R$ 50 e R$ 400, depende do valor solicitado pela vítima. O estelionatário condiciona o depósito do valor pretendido ao pagamento da taxa.

Para falar sobre esse assunto, e sobre segurança digital, as jornalistas Alessandra Mendes, Aline Neves e Wanda Sampaio recebem a presidente da Comissão Estadual de Educação Digital da OAB Minas, Daniella Avelar.

O podcast

O podcast Observatório Feminino vai ao ar todos os domingos, às 8h30, na Rádio Itatiaia. Você também pode ouvir os episódios nas plataformas de áudio, e no Youtube da Rádio de Minas

  continue reading

208 епізодів

Усі епізоди

×
 
Loading …

Ласкаво просимо до Player FM!

Player FM сканує Інтернет для отримання високоякісних подкастів, щоб ви могли насолоджуватися ними зараз. Це найкращий додаток для подкастів, який працює на Android, iPhone і веб-сторінці. Реєстрація для синхронізації підписок між пристроями.

 

Короткий довідник